Ando meia na lua, como diz a música, por isso não me chateio com nada.... mentira...

Não sei o que se passa, mas sinto-me estranha, sem conseguir explicar muito bem...

Não é no mau sentido, é naquele sentido em que certas "coisas" deixaram de me chatear, por isso não quero saber se vai ser assim ou assado, vai ser o que eu quiser, porque o futuro é de cada um e do que fazemos dele, e começa hoje....


Hoje quase que molhei os pés.... faltou o chinelinho...

Vou "botar" no carro...

 

 

 

sinto-me: com reticências
música: Estrada
tags:
publicado por Ana às 14:05